quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Harley-Davidson Electra Glide Ultra Limited 2014 - Primeira Impressão


A primeira impressão é a que fica, diz um ditado antigo.

Se isto se aplica para motocicletas, a Harley-Davidson Electra Glide Ultra Limited FLHTK 2014 deixou uma excelente impressão, nestes primeiros 80 km de estrada.

Recebí minha Ultra Limited hoje de manhã, na Floripa Harley-Davidson de Florianópolis, SC.

Elton Minatti, da Floripa H-D, fazendo a entrega do "Guardian Bell".

O "Guardian Bell" instalado na Ultra Limited.
Esta revenda já está com uma reputação bem sólida no mundo H-D, tanto na área de Vendas, como no Pós-Venda. Uma reputação que já ultra-passou (trocadilho proposital) as fronteiras do sul do Brasil e é referência nacional.

Depois da nossa última viagem ao Estados Unidos, quando visitamos a fábrica da Harley-Davidson em York, PA, decidimos comprar a nova Ultra Limited 2014, com previsão de entrega nos primeiros meses deste ano. Conversei com o Ivan Coelho, Gerente da Floripa H-D e decidimos por uma Limited na cor Vivid Black.

Nas duas últimas semanas, acompanhamos com muito interesse as notícias veinculas na Internet sobre as reuniões mantidas pela Harley-Davidson do Brasil em Gramado, RS, para apresentação oficial da linha Touring 2014.

Na minha expectativa, as Ultra Limited deveriam chegar nas lojas depois do carnaval. Para minha surpresa, nesta segunda-feira recebi uma chamada do Elton Minatti, Consultor de Vendas da Floripa H-D, comunicando-me que nossa Limited 2014 já havia chegado na loja e que eu seria o primeiro, em Santa Catarina, a receber esta máquina.

"Black Pearl", navio do Capt. Jack Sparrow.
Quase que imediatamente seguimos para Florianópolis para conhecer a motocicleta que minha querida garupa/companheira/fotógrafa Rô Tarnovski Roque logo apelidou de "Pérola Negra", em referência ao navio "Black Pearl" do famoso Capitão Jack Sparrow (interpretado por Johnny Depp), nos filmes da série "Piratas do Caribe".

A motocicleta estava sendo submetida ao PDI (pre-delivery inspection), a inspeção pré-entrega padrão da Harley-Davidson. Poderíamos ter recebido a Limited naquele mesmo dia, mas ainda havia que transferir o seguro, fazer o licenciamento, etc., e preferimos deixar o recebimento para hoje.

O Elton Minatti fez a entrega técnica da motocicleta, enfatizando as novas características tais como o sistema de arrefecimento ar/líquido, novo quadro/suspensão, embreagem hidráulica, sistema de freio inteligente e, claro, o novo sistema multimídia, o Infotainer.






Após a entrega técnica, fizemos uma primeira saída com a Limited, para abastecê-la (eu ainda não consigo entender por que entregam veículos com o tanque quase vazio. O preço do combustível, apesar de caro, é irrelevante se comparado ao preço do veículo em sí!).

Já na primeira volta, de apenas alguns quarteirões, percebi uma diferença sensível no manejo da Ultra Limited 2014. A impressão é de que a motocicleta é mais leve, o que não é o caso. Também se tem a impressão de que o banco está mais baixo o que não é verdade, tampouco. Neste caso, o novo desenho do banco permite um posicionamento melhor das pernas, o que nos dá uma sensação de maior controle quando parado no trânsito, por exemplo.

Depois de mais algumas fotos para o registro histórico do momento, seguimos para a estrada.


Rô, eu e a Pérola Negra.

Elton Minatti, Ivan Coelho (Gerente da Floripa H-D) eu e a Rô, com a Pérola Negra.
A sensação ao pilotar a Ultra Limited 2014 é muito prazeirosa. A suspensão é firme, proporcionando curvas bem controladas, aumentando a confiança na pilotagem.

Os comandos digitais permitem um melhor posicionamento das mãos, sem esforços desnecessários para utilizar as setas ou o sistema multimídia.

Ainda que não seja recomendável fazê-lo com a motocicleta em movimento, o uso do telefone celular é bem amigável. A transferência da minha lista de contatos no iPhone para o sistema multimídia foi feita em pouco mais de um minuto (e minha lista é longa . . .). Fiz uma ligação para o meu filho e tanto eu como a Rô falamos com ele, como se estivera num conference call. Muito bom.

Testando o uso do celular no sistema multimídia Infotainer.
A temperatura ambiente hoje estava bem alta, ao redor dos 32°C. O sistema híbrido de arrefecimente funcionou muito bem, sem sensação de calor exagerado mesmo no tráfego urbano. Recomendo utilizar o EITMS (Sistema de Gerenciamento de Temperatura em Marcha Lenta).

Quando a temperatura do motor atinge um ponto predeterminado, o EITMS desliga a injeção de combustível no cilindro traseiro. A marcha lenta será mantida, mas o cilindro traseiro atuará como se fosse uma "bomba de ar", que ajudará a resfriar o motor.

Quando ativado, o EITMS atuará quando as seguintes condições ocorrerem:
  • Temperatura do motor estiver acima de 140°C.
  • O acelerador está em baixa (não acionado).
  • A velocidade da motocicleta estiver abaixo de 2 km/h.
  • A rotação do motor estiver abaixo de 1200 rpm.
Como voltávamos na companhia de outros harleyros, inclusive um outro amigo que também recebeu sua Ultra Limited 2014, tivemos a oportunidade de verificar o uso do rádio CB com excelentes resultados.

Da mesma forma, o intercomunicador funciona perfeitamente.

Neste primeiro dia com a "Pérola Negra" rodamos poucos quilômetros, sómente o necessário para retornar para casa. A adrenalina estava alta, em função da expectativa de pilotar a nova máquina. 

O atendimento da Floripa Harley-Davidson foi excelente, como tem sido sempre minha experiência com esta revenda. O Elton Minatti fez uma entrega técnica muito profissional e o Ivan Coelho e sua equipe estão de parabéns. 

No decorrer dos próximos dias, faremos outros passeios e poderemos explorar todos os recursos que a Harley-Davidson incorporou na Electra Glide Ultra Limited 2014.

Fiquem sintonizados.

30 comentários:

  1. Olá Wilson ,parabéns pela bela maquina!

    ResponderExcluir
  2. Qap comandante. Parabéns pelo brinquedo novo.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns! E o GPS, funciona??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não testei. Pretendo fazê-lo nos próximos dias e vou comentar no blog.

      Excluir
    2. Fala Roque !!!
      Brinquedo novo é sempre uma alegria, né?

      Eu não tive a mesma sorte e alegria. Peguei minha Ultra Limited na quinta passada, dia 6.
      Ao sair da loja senti que o motor estava falhando, dando aqueles trancos e tossindo.
      A primeira coisa que pensei foi que a gasolina estivesse "no chicote", pois como você diz eles nos entregam só com algumas gotas.
      Parei no primeiro posto alguns metros depois da revenda e abasteci. Quando saí do posto continuava igual, falhando, tossindo e até mesmo o motor morrendo.
      Como o tal posto tinha um aspecto de 1/4 de boca, imaginei que era gasolina batizada e começei a invocar o nome da mãe do dono.

      Isso acontecia só em baixa velocidade, e eu estava no meio do trânsito daquela saída do Estreito, e na BR andava normal, até desacelerar, quando começava de novo.
      Rodei assim até a autonomia acusar 8 km e daí abasteci com Podium e continuou igual.
      A moto foi na carreta para a HD de Floripa na segunda à tarde e ontem, terça, pelo dia inteiro não conseguiram o diagnóstico pelo scanner, e o Ivan falou que era problema de módulo, o que me fez dormir melhor.
      E agora estou aguardando uma resposta.

      Estava com uma viagem até Mendoza e uma subida na cordilheira marcada para sair daqui no dia 30 de março num grupo de 6 motos, mas pergunto : você confiaria numa moto que já saiu da loja com problema de injeção de combustível para encarar uma viagem assim?
      Eu não, não tem como.
      Conclusão: Me ferrei, vou ter que abortar essa viagem de repente vender essa merda.

      Abraço.

      R.Sprung

      Excluir
    3. Prezado e querido amigo e colega, Comte. Sprung.
      Hold your horses, cowboy!
      Claro que a motocicleta é confiável. Deve ser mesmo o módulo. Troca e fica resolvido. Você poderá fazer sua viagem tranquilo. Abração.

      Excluir
    4. Como você com muita propriedade e sabedoria citou o ditado popular "A primeira impressão é a que fica", em mim ficou.
      Vou ver o resultado, mas encarar a viagem já é outra história.
      Seria como sair prá uma travessia com o MCP falhando, confiando no sábio Chemaq.
      É ruim, heim?

      Abç

      Excluir
  4. Congrats Wilson pela nova H-D: Belo nome para a mais nova integrante da família !!!

    ResponderExcluir
  5. Aqui na Rio HD quem me entregou a minha Fat Boy Lo zero foi o rapaz da lavagem, lamentável. A vendedora faltou no dia da entrega e ninguém substituiu. Quem não acredita no tratamento aqui no RJ, paga pra vê.

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Testes realizados pela H-D nos EUA indicam um consumo médio cidade/estrada de 17,8 km por litro de gasolina de boa qualidade, sem mistura com etanol. Minha média na estrada, em terreno plano, com duas pessoas e bagagem foi de 16,64 km/litro.

      Excluir
  7. Olá amigo, compramos uma Ultra 2015 e estamos apanhando com o som RS sabe como se faz para transferir o som da moto para dentro do capacete? Na Ultra 2013/eu apertava botao.
    Obrigado e abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No menu inicial, marque config (setup) - Altifalantes/auscultadores (Speaker/Headset). Vai aparecer uma tela com ícones, onde você pode fazer a opção entre os altofalantes da motocicleta ou os altofalantes do capacete para os três sistemas: mídia, comunicação (CB e intercomunidor) e comandos do GPS. Se quiser tudo no capacete, é só marcar todos eles. O manual em portugues pode ser baixado aqui: https://www.dropbox.com/s/lgejw7rrxim6b1k/Manual%20som%202014-2015%20jhonatan.pdf?dl=0
      O manual em inglês se encontra aqui: https://www.harley-davidson.com/en_US/Media/downloads/Owners/2014_Boom_OM_EN.pdf
      Boa sorte.

      Excluir
    2. Tem como a saída ficar simultânea capacete e caixa externa? A 2013 tinha este recurso no botão

      Excluir
    3. Bom dia, Irineu. No mesmo canal não é possível. Mas você pode ter a música nos altofalantes externos e ter o comunicador no capacete, por exemplo.

      Excluir
  8. Olá Wilson, por favor o intercomunicador da Ultra 2014 é diferente da anterior? Digo na parte de saída do capacete, a potência dos auto falantes é a mesma da 2013? Obrigada, abraço Liliana e Irineu

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, Liliana e Irineu. O rádio da Ultra 2014 tem 25w de saída por canal. O modelo 2013 tem 20w por canal.

    ResponderExcluir
  10. Olá Wilson e amigos do blog, ontem voltando de Campinas com minha Ultra 2015 acendeu sensor no painel do lado direito do N e tb no relógio de temperatura um ícone vermelho, amanhã vou na Aba ver o que acontece, abraço

    ResponderExcluir
  11. Este seu blog é fantástico! Parabéns.. abraço e obrigado pelas sempre excelentes dicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado por acompanhar o blog. Abraços.

      Excluir
  12. Bom dia!

    Wilson,

    Adquirimos uma Harley para sortear em uma promoção no nosso shopping, porém não estamos conseguindo ligá-la. Já tentamos de tudo até trocamos a bateria, mas não está dando sinal algum. A ignição dela é no controle e não com chave. Pode nos ajudar a ligar? Tem algum botão que tem que ser apertado?
    O modelo é iron 883

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na manopla do lado direito, há dois botões na vertical. No mais a direita está escrito "Off" e "Run". Este botão liga a ignição. Tem que estar abertado em "Run". Depois é só apertar o outro botão, onde está escrito "Start". Este é o botão que aciona o motor de arranque.

      Excluir
  13. Boa noite
















































































    Boa noite Wilson, comprei a 1 mês uma ULTRA 2012, e estou preocupado pois ele tem um roncado muito bonito no motor , mais quando rodamos algum tempo e há um aquecimento normal do motor , ele fica com um barulho secundario que esta me incomodando meio estalado... estive no mecânico e ele me disse que este barulho e normal , que quando o óleo do motor esquente ele raleia ou afina ocasionando o barulho. tem procedência esta informação , realmente acontece neste modelo HD; Da uma dica ai amigo;

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia. Pode acontecer, sim. Tem como resolver isto. Primeiro leve a um mecânico de sua confiança e veja se a corrente da primária está ajustada corretamente. Mesmo ajustada, use um óleo de maior viscosidade. Eu uso o Motul Motylgear 75W90.

      Excluir
  14. Boa noite Wilson, muito obrigado pela atenção . Ainda estou me adaptando com a moto na questão de dirigibilidade, pois as motos anteriores que tive foram de velocidade e a ultima uma harley custom 1200 cc, enfim motos mais leves e de menor envergadura, gostaria de algumas dicas de pilotar , você sabe me informar algum site ou como obtenho alguma informação.
    Grato.

    ResponderExcluir
  15. Bom dia.Há muita informação na Internet sobre segurança na pilotagem. Aqui mesmo no blog você encontra muita coisa. Procure em marcadores o tag "Segurança". Recomendo a série "Pilotagem: A Busca Pela Excelência", escrito especificamente para quem pilota motocicletas de grande porte. O primeiro artigo está aqui: https://wilsonroque.blogspot.com.br/2014/12/pilotagem-busca-pela-excelencia.html

    ResponderExcluir
  16. OI Wilson boa noite tudo bom, tive um probleminha com minha Ultra hoje, fui dar partida e ela não pegou tentei novamente e nada , ficou so naquele barulho conhecido de bateria. Na minha ultima viagem no domingo passado, observei que mesmo estando rodando, duas luzes no painel acenderam e ficaram um tempo acesas ,a luz amarela que parece um motor e ao lado dela a luz vermelha da bateria, ficou um tempo e depois apagaram, ate ai sem problemas. De domingo ate hoje sexta feira não havia dado partida, e ocorreu o problema, enfim a bateria parece estar sem carga, troquei o regulador de voltagem menos de um mês , pode ter interferido, esse regulador não funciona como um recarregador ou repositor de carga na bateria. E se eu fizer uma carga lenta ou rápida nela , pode resolver..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia. Recomendo uma carga lenta na bateria, de preferência com um carregador da própria H-D, se vc tiver acesso a um. Quando a bateria estiver carregada, rode por pelo menos 1 hora em uma rodovia ou estrada que permita velocidade acima de 60 km. Deve ser o suficiente para recarregar completamente a bateria e verificar se o sistema está funcionando. Se o problema persistir, leve a Ultra a um mecânico de confiança e faça um teste completo no sistema elétrico.

      Excluir