sábado, 31 de dezembro de 2011

Feliz 2012




Dentro de alguns horas, um Ano Novo vai chegar. E uma nova viagem vai começar na sua vida.

Se não puder ser o piloto, seja o seu mais divertido garupa.

Ajuste o capacete, feche a jaqueta, coloque as luvas e desfrute cada uma das paisagens que o tempo lhe oferecer, com o prazer e o entusiasmo de quem realiza a primeira viagem.

Não se assuste com os abismos, nem com as curvas que não lhe deixam ver os caminhos que estão por vir.

Procure curtir a viagem da vida, observando cada arbusto, cada riacho, beirais de estrada e tons mutantes de paisagem.

Desdobre o mapa e planeje roteiros. Preste atenção em cada ponto de parada e curta cada momento na estrada.

E quando decidir parar onde a esperança lhe acenou, não hesite. Desembarque nela os seus sonhos . . .

Desejo que sua viagem pelos dias do próximo ano, seja a melhor de todas. Com segurança, saúde, paz e amor.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Sistema de Navegação por Satélite da China em Operação


O sistema Compass, projeto chinês para desenvolver um sistema de navegação por satélite independente entrou em operação de testes em 27 de Dezembro de 2011, com uma cobertura provisória da China e áreas próximas. O sistema deve cobrir toda a região da Ásia e do Pacífico em 2012 e globalmente em 2020. O projeto teve início em 2007, com o lançamento do primeiro satélite, o Compass-M1.

Quando estiver funcionando na sua totalidade, o Compass será um Sistema Global de Navegação por Satélite semelhante ao GPS dos Estados Unidos. Os dois sistemas são compatíveis e atuarão interagindo entre sí.

A constelação de satélites do Compass em 2011.

O Compass terá uma constelação de 35 satélites ( o GPS opera com 24 satélites), incluindo 5 satélites de orbita geo-estacionária. Os sinais de operação tem a mesma estrutura complexa do GPS e do Galileo (sistema em desenvolvimento na União Européia) e, como eles, terá dois níveis de posicionamento: um, livre para todo público e outro, restrito, para uso militar. O nível de uso público estará disponível, sem custo, para qualquer usuário do mundo.

Quando o Compass e o Galileo estiverem em plena operação, estes dois sistemas juntamente com o GPS dos Estados Unidos oferecerão uma cobertura mundial detalhada, com uma constelação de 75 satélites.
No atual estágio de testes, o Compass terá uma precisão de 25 metros, que será melhorada a partir de entrada em operação de mais satélites. Quando totalmente operacional a precisão será de 10 metros na superfície da Terra, 0,2 metros por segundos na medição de velocidade.

Veja postagem anterior sobre o assunto aqui.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Harley-Davidson Recebe Patente para Sistema de Resfriamento do Motor


O Departamento de Patentes e Marcas dos Estados Unidos (U.S. Patent and Trademark Office), outorgou a patente número 8.079.434 à Harley-Davidson Motor Company Group, Inc., pela invenção de um sistema de resfriamento de cabeçote, por injeção de ar, para motores de motocicleta. A outorga foi feita no dia 20 de Dezembro.

O sistema, desenvolvido por Matthew J. Mueller, da cidade de Wauwatosa, Winsconsin, permite a injeção de ar frio no cabeçote do cilindro do motor de uma motocicleta, produzindo o resfriamento do motor em baixa velocidade.


A invenção deu entrada no Departamento de Patentes em Fevereiro de 2009.

De acordo com o sumário publicado no site governamental, a invenção é direcionada para motores refrigerados a ar, instalados em motocicletas. O cabeçote do motor terá uma entrada para o ar frio, injetado por um ventilador, ligado por tubo a um resfriador de ar.

Com esta invenção a Harley-Davidson conseguirá diminuir o calor gerado pelo motor V-Twin em baixa velocidade, sem ter que adotar uma refrigeração a líquido.

Se e quando este sistema será adotado, é a dúvida que teremos, daquí por diante. Que a Harley-Davidson terá que encontrar uma saída para o problema do calor produzido pelos motores V-Twin, não há a menor dúvida. O que não sabemos é qual o caminho que irá adotar.

Com esta invenção, se funcionar na prática, o problema fica resolvido sem "dar o braço a torcer" e adotar o tão temido  pelos puristas  radiador a líquido.

Não conseguí encontrar imagens dos desenhos submetidos no pedido da patente. O texto integral está aqui.
Talvez algum engenheiro mecânico, que nos lê, possa adicionar algum comentário. 
Se conseguir alguma imagem, publicarei.

O outro pedido submetido ao U.S. Patent Office é para a refrigeração a líquído, que circulou na imprensa especializada no início de 2011. O pedido ainda está sob análise e levará algum tempo antes de sabermos se a patente será concedida.

Refrigeração à líquido, submetida pela H-D ao U.S. Patent Office, em Maio de 2011.



quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

O Crescimento de Balneário Camboriú: Bom ou Ruim?

Moro em Balneário Camboriú há 6 anos. Quando cheguei na cidade, vindo de 10 anos no exterior, gostei muito do que ví. Apesar de já estar em plena temporada de verão, a cidade me impressionou pela organização, tranquilidade, segurança, limpeza. Decidí que faria daqui o meu "home town".

Seis anos depois, já se identifica alguns sinais de que a qualidade de vida poderá diminuir nos próximos anos, se o crescimento continuar no rítmo em que está. Não me entendam mal, não sou contra o crescimento. Sou contra o crescimento sem sustentabilidade.

Segundo artigo publicado na revista Exame (edição 1006, de 14/12/2011), Balneário Camboriú é a segunda cidade mais verticalizada do Brasil, atrás apenas de Santos, em SP. Dos 15 maiores edifícios em construção, no país, 6 estão sendo construídos em Balneário. Dois deles, da construtora Embraed, terão 46 andares, cada um.

Balneário Camboriú, SC

Quem reside aqui ou vem passar as férias na cidade, sabe que Balneário Camboriú não tem estrutura viária para suportar tal crescimento.

Além disso, o crescimento da cidade atrai indivíduos indesejáveis e o nível de eventos policiais tem aumentado significativamente. Há um deficit crônico na força policial em Santa Catarina, com seus reflexos em Balneário Camboriú e demais cidades da região litorânea. O número de emergência 190 não consegue atender o volume de chamadas. Não há pessoal, nem viaturas. E o trânsito "amarrado" da cidade limita o atendimento com o quadro disponível. O atendimento médico de emergência também fica prejudicado, pelo mesmo motivo.

Autorizando a construção de edifícios tão altos, a Prefeitura de Balneário Camboriú está ajudando a fazer uns poucos milionários e prejudicando milhares de cidadãos que escolheram a cidade para viver. Conseguirá fluir o volume de veículos que estes edifícios vão gerar? Com ruas tão estreitas, duvido muito. Sem falar, é claro, no abastecimento de água e no tratamento do esgoto.

Uma pena.

A especulação imobiliária já transformou cidades e bairros de paraíso a inferno urbano. Copacabana, no Rio de Janeiro é um bom exemplo. E os edifícios da antiga "princesinha do mar" são muito mais baixos do que a maioria dos existentes ou em construção em Balneário Camboriú.

Capacabana, Rio de Janeiro
O tempo dirá se minha preocupação é válida ou não. Espero estar equivocado.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Contran Desobriga Placas Para Radares

Sem divulgação ostensiva, o Conselho Nacional de Trânsito publicou a Resolução 396, alterando as regras anteriores que obrigavam a instalação de placas de advertência, sempre que um radar fosse instalada na via  para a determinação eletrônica da velocidade dos veículos.

A eliminação da exigências da placas informativas foi uma solicitação da Polícia Rodoviária Federal, sob o argumento de que os motoristas só diminuíam a velocidade próximo dos radares, voltando logo depois a velocidades acima do permitido. Segundo a PRF, as altas velocidades são um dos maiores causadores de acidentes nas rodovias federais.

Placas como esta não são mais obrigatórias.

Com isto, a PRF e as Polícias Militares Rodoviárias (além dos Agentes de Trânsito Municipais), poderão instalar radares fixos, móveis e lombadas eletrônicas (além de usar radares instalados nos veículos policiais), sem qualquer informação aos motoristas, além das placas de limite de velocidade modelo R-19.


Os radares de controle eletrônico de velocidade já se tornaram uma nova fonte de arrecadação para as cidades brasileiros. Aqui em Santa Catarina, por exemplo, é quase regra instalar-se radares nas vias de trânsito com velocidade máxima abaixo da velocidade autorizada. Assim, numa via que tem a velocidade máxima permitida em 60 km/h, o radar reduz esta velocidade para 50 km/h, sem qualquer motivo aparente (não é um cruzamento, nem passagem de pedestre, nem outra razão). Ora, se a via permite uma velocidade de 60 km/h, o radar deveria estar controlando esta velocidade. Mas isto seria o lógico, mas desde quando os governos, no Brasil, sabem o que significa lógica?
A instalação de radares urbanos são, também, um grande motivo de corrupção entre as empresas privadas que instalam e operam tais radares e as autoridades municipais. Em vários municípios catarinenses o Ministério Público descobriu grandes esquemas de corrupção involvendo a instalação de radares. Além, é claro, do fato de que os amigos das autoridades terem a placa de seus veículos "retiradas" do sistema, de forma que não são multados em caso de excesso de velocidade ou avanço de sinal.

Mas esta a realidade nacional, não é mesmo? Um cidadão é sumariamente multado se estiver trafegando a 55 km/h numa via que tem um limite de 50 km/h. Certo? Mas esta é a lei, e como tal, deve ser aplicada.

Quanto ao resto . . .


sábado, 24 de dezembro de 2011

Brinquedos Para as Crianças do Hospital Infantil Pequeno Anjo

Um grupo de motociclistas de Balneário Camboriú, SC, levou na manhã de hoje brinquedos para crianças hospitalizadas no "Hospital Infantil Pequeno Anjo", de Itajaí, SC.

Prontos para sair em direção ao Hospital Infantil Pequeno Anjo

Minha Ultra Glide devidamente decorada para o Natal.

O "Pequeno Anjo", mantido pela Univali-Universidade do Vale do Itajaí, é o único hospital infantil da região.

O Papai Noel Ricardo Maccori foi o Road Captain.

Durante a semana, o Auto Posto PHD, o Gas Station Pub e a Maccori Garage recolheram doações de brinquedos, feitas por motociclistas e outros frequentadores (veja matéria aqui do blog).

Cacá Grando, Papai Noel Maccori e uma criança hospitalizada, junto com a  mãe.

Por volta das 10:00 da manhã, saímos em caravana pela praia central de Balneário Camboriú até o hospital, no centro da Itajaí.

Nos corredores do hospital, acompanhados pela equipe de plantão.

Lá, ofertamos presentes a todos os meninos e meninas que estavam hospitalizados, que ficaram muito felizes com a lembrança. Um outro grupo de voluntários estava no hospital, fazendo graça e comédia para as crianças e compartilharam o momento conosco.

Motociclistas e outros voluntários, juntos para alegrar as crianças internadas.

Além de ofertar presentes para os funcionários do hospital que tem filhos pequenos, deixamos um número considerável de brinquedos para as crianças que, eventualmente, venham a ser internadas na semana até o Ano Novo.

Missão cumprida e uma sensação muito boa no coração.

Quem Vai Decolar em 2012

A estabilidade política e econômica, o crescimento do mercado consumidor e os incentivos fiscais fazem do Brasil um país atraente para os investidores estrangeiros. Mas nem todos os estados conseguem aproveitar essa oportunidade como deveriam. São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Distrito Federal e Santa Catarina são os únicos que apresentam um bom ambiente de negócios para quem quer investir no setor produtivo do país. Nos demais, problemas como a carga tributária elevada, a burocracia, as deficiências de infraestrutura e a falta de mão de obra qualificada afugentam o capital externo. Essas são as principais conclusões do primeiro Ranking de Gestão dos Estados Brasileiros, elaborado pela Unidade de Inteligência do grupo inglês Economist, patrocinado pelo Centro de Liderança Pública e publicado com exclusividade por VEJA. O relatório será atualizado anualmente e divulgado na última edição do ano da revista. O objetivo é ajudar a balizar os administradores públicos, a fim de que eles promovam as reformas necessárias e, assim, aumentem a sua capacidade de atrair o investimento estrangeiro e também nacional. Afinal de contas, legislações que proporcionem maior eficiência e produtividade funcionam como um ímã para o dinheiro de qualquer nacionalidade.

Resultado do estudo na Região Sul
Para fazerem o ranking, os pesquisadores analisaram 25 indicadores em oito quesitos (um resumo das tabelas  e a íntegra do estudo está em veja.com). “A meta principal é fortalecer as instituições e evitar o personalismo. Por isso, não foi analisado o desempenho dos governantes, mas das políticas públicas implementadas ao longo dos últimos anos. Instituições vigorosas estão na base do sucesso de uma nação”, diz Luiz Felipe d’Ávila, diretor-presidente do Centro de Liderança Pública. De fato, a robustez das instituições explica o desempenho dos estados que estão no topo da avaliação. São Paulo está entre os três primeiros em sete dos oito quesitos e lidera a classificação geral. “O estado de São Paulo apresenta o melhor ‘ecossistema’ para a realização de negócios. Tem estabilidade política, as melhores universidades, boa infraestrutura e uma indústria de serviços consolidada. Só precisa simplificar seu sistema tributário”, aponta D’Ávila. Já o Piauí, o último colocado, é exatamente o oposto — trata-se de um estado com instituições sucateadas e um poder público deficiente. A infraestrutura é tão precária que a produção precisa ser escoada por meio dos estados vizinhos. Para se ter uma ideia, a construção do Porto de Luís Correia, obra que amenizaria o problema, arrasta-se há mais de trinta anos.

A posição de Santa Catarina
Com a proximidade da Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016, aliada à crise econômica que colocou de joelhos os Estados Unidos e a Europa, o Brasil passa por uma expansão assombrosa no que se refere aos investimentos estrangeiros diretos. De janeiro a novembro deste ano, o país recebeu mais de 60 bilhões de dólares, um recorde. As 27 unidades administrativas brasileiras não concorrem apenas entre si para atrair esses recursos, mas também com outros países. Por esse motivo, mesmo os melhores estados precisam modernizar ainda mais sua legislação, qualificar a mão de obra e divulgar suas vantagens.

Fonte: www.veja.com

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Harley-Davidson Deve Dispensar 250 Pessoas


A Harley-Davidson Motor Company está demitindo 250 empregados sindicalizados, de suas plantas em Milwaukee, Wisconsin.

A empresa ofereceu um Plano de Demissão Voluntária, cuja data limite é hoje, 23 de Dezembro. A partir de próxima segunda-feira a companhia decidirá quem será dispensado, se o número de demissões voluntárias não atingir a quantidade que a Harley-Davidson entende ser necessária.

De acordo com as notícias vinculadas na imprensa especializada, o acordo assinado entre a empresa e os sindicatos em 2010, permite tal ação.

Os empregados sindicalizados eventualmente dispensados serão substituídos, nos períodos de alta demanda, por empregados temporários. A remuneração desses profissionais deverá ser  um pouco mais do que a metade do que ganham os operários sindicalizados, além de não terem vários benefícios, como plano de aposentadoria complementar e plano de saúde.

A redução de pessoal  nas várias fábricas da Harley-Davidson, começou em 2010 e faz parte do plano do CEO (Principal Executivo) da empresa, Keith Wandell, para diminuir os custos operacionais da Motor Company e enfrentar as dificuldades economicas que os Estados Unidos vem enfrentando, desde a crise de 2008. A atuação de Keith Wandell à frente da Harley-Davidson tem sido muito elogiada no meio empresarial dos Estados Unidos.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Por Que Tem Que Ser Assim?


Diferentes países, diferentes conceitos de cidadania.

Existe um projeto de lei no Senado dos Estados Unidos, propondo a obrigação de uso de capacetes por motociclistas, em todos os Estados da União.

Lá, como em uma verdadeira Federação, os Estados tem poderes para legislar em vários assuntos, sem interferência do Governo Federal. Segurança no trânsito é uma delas, ao contrário do Brasil, onde até para construir acostamento em BR que passa pelo meio de uma cidade, é necessário a ação e aprovação de um funcionário federal em Brasília.

O assunto, lá nos Estados Unidos, está sendo discutido na Comissão de Comércio, Ciência e Transportes do Senado. Um dos membros da Comissão, a Senadora Kelly Ayotte do Partido Republicano do Estado de New Hampshire, se opôs fortemente à Proposta de Lei, com um argumento imbatível.

Disse ela: “A proposta tira o direito do povo americano de decidir sobre o assunto, a nível local. O Governo Federal deve concentrar seus eforços em prevenir acidentes ao invés que determinar que equipamento de segurança os motociclistas devem usar.” Pelas notícias, a proposta deve ser derrubada ainda na Comissão, nem indo para votação em plenário.

No Brasil, o Governo Federal concentra quase todo poder de decisão sobre nossas vidas, além de nos impor uma das mais brutais cargas tributárias do planeta (a segunda maior, na realidade), sem a devida contrapartida.

No Estado de Santa Catarina, a BR-101 Sul está em obras de duplicação há quase 20 anos, matando centenas de pessoas anualmente, em acidentes provocados pelas péssimas condições de conservação e sinalização da rodovia. Em outras rodovias federais, que cortam SC no sentido leste/oeste, milhares de pessoas sofrem acidentes, ficam aleijadas ou morrem, todos os anos, pelos mesmos motivos: rodovias com elevado fator de trânsito de veículos pesados, com pista simples, muitas vezes sem acostamento, em condições precárias de manutenção e sinalização.

Apesar dos constantes pedidos da população e das autoridades municipais e estaduais, os processos de duplicação das rodovias (e outras melhorias necessárias) se arrastam durante anos nos meandros burocráticos de Brasília, enquanto os cidadãos continuam a morrer em acidentes perfeitamente evitáveis, pela simples análise do volume de trâfego e adaptação das rodovias para atender à demanda, com pista bem construídas e com sinalização adequada. Estradas construídas na década de 1970 continuam nas mesmas condições, 40 anos depois. Como se o Brasil tivesse parado no tempo, ainda com uma população menos da metade da que temos hoje e com um volume de veículos inalterado.

Nos próximos dias, após o Natal, inicia-se em Santa Catarina a temporada de verão. Até o final da semana do Carnaval, no final de Fevereiro, milhões de pessoas passarão pela BR-101 Sul (e outras rodovias federais), vindas do Paraguai, Paraná, Mato Grosso, São Paulo, Rio de Janeiro e outros estados ao norte e do centro-oeste, além daqueles que virão do Rio Grande do Sul, Argentina, Uruguai e Chile.

Infelizmente, como acontece todos os anos, continuaremos a ver nos noticiários as reportagem de acidentes quase diários, a maioria com vítimas fatais. E, como ocorre todos os anos, nada será feito para evitar que isto aconteça, efetivamente.

Até quando o nosso país continuará a ser um feudo, governado por políticos e burocratas corruptos e incompetentes? 
Até quando os cidadãos brasileiros aceitarão ser tratados como raça inferior por seus próprios conterrâneos, alçados ao poder?
Até quando sustentaremos, com nossos impostos, uma das máquinas administrativas mais corruptas e incompetentes de que se tem notícia na história contemporânea do Brasil?

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

ANTT Autoriza Aumento de Pedágios


Foi  autorizado, pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), o reajuste das tarifas de praças de pedágio nas rodovias de cinco Estados brasileiros: Bahia, Minas Gerais, São Paulo, Santa Catarina e Paraná. O aumento dos valores foi concedido a quatro concessionárias que administram estradas nas regiões mencionadas. As novas taxas já estão em vigor.

A última estrada a ter os valores de pedágio reajustados foi a BR-116, no trecho que vai de Curitiba até a divisa do Estado com Santa Catarina, administrado pela concessionária Autopista Planalto Sul S/A. Por lá a tarifa cobrada aos veículos da categoria 1 – carros, caminhonetes e furgões menores – passou de 3,10 para R$ 3,30.


Outra rodovia que agora está mais cara de se circular é a Fernão Dias, entre Belo Horizonte e São Paulo, concessionada pela Autopista Fernão Dias S/A. Com os ajustes, os condutores que passarem pelas praças de Mairiporã (SP), Vargem (SP), Cambuí (MG), Careaçu (MG), Carmo da Cachoeira (MG), Santo Antônio do Amparo (MG), Carmópolis de Minas (MG) e Itatiaiaçu (MG), terão que pagar R$ 1,40, o cobrado anteriormente era R$ 1,30.

Desde domingo, 18, a Transbrasiliana está cobrando mais caro nos pedágios, pelos quais é responsável, o valor passou de R$ 3,00 para R$ 3,20. As praças ficam localizadas nos municípios de Onda Verde (SP), José Bonifácio (SP), Lins (SP) e Marília (SP), ao longo da BR-153, entre São Paulo e suas divisas com Minas Gerais e Paraná.

Os pedágios da BR-116, entre Salvador (BA) e Feira de Santana (BA), assim como os da BR-324, entre Feira de Santana e a divisa com Minas Gerais ficaram mais caros com valores passando, respectivamente, de R$ 2,80 para R$ 3,00 e de R$ 1,60 para R$ 1,70, ambos os trechos administrados pela Via Bahia Concessionária de Rodovias S/A.

A ANTT revelou que a majoração dos valores da tarifa são referendadas nos efeitos das revisões e do reajuste. A medida é sempre tomada quando acontecem desequilíbrios econômico-financeiros no contrato de concessão. O valor do aumento é calculado com base no IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) e no IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Fonte: Webtranspo

Feliz Natal - Feliz Ano Novo



Desejo a todos os amigos os melhores votos de um Feliz Natal abençoado por Deus.

Que o Ano Novo traga muitos momentos de paz, saúde e muito amor.


terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Churrasco de Encerramento 2011

A HDPoint de Balneário Camboriú está convidando para um Churrasco de Encerramento do ano de 2011, nesta quinta-feira, a partir das 18:30 horas.

A HDPoint fica localizada no Rua Pernambuco 18, próximo à Av. do Estado, em Balneário Camboriú.

Brinquedos Para Crianças Carentes

O Gas Station Pub, de Balneário Camboriu, SC, está organizando uma coleta de brinquedos para serem doados a crianças carentes da região.

Aqueles que quizerem contribuir estão convidados a se reunir no Gas Station Pub, anexo ao Posto PHD e ao lado da Maccori Garage, neste sábado na parte da manhã.

Os brinquedos doados serão recolhidos e posteriormente levados a instituições de amparo à infância da região.


Fissura na Floripa Harley-Davidson

Desde o dia 9 de Dezembro corria em Santa Catarina notícias de que havia ocorrido um rompimento entre os sócios do empreendimento que criará a Floripa Harley-Davidson. Pelos comentários, falava-se da saída do Adilson Altrão, ex-HD Point.

Recebí esta mensagem diretamento do Adilson Altrão:


FLORIPA HARLEY-DAVIDSON – Do sonho à decepção.

Me sinto na obrigação de dar uma satisfação aos amigos, e este é o único objetivo deste e-mail.

Não faço mais parte do projeto Floripa Harley-Davidson.

Fui vitima da soberba e prepotência do Sr. Wanderlei, que, na mais absoluta falta de hombridade e respeito, em uma decisão unilateral, arbitrária, sem sequer falar comigo, sem motivo, rompeu com nosso contrato de sociedade para a implantação da Concessionária Harley-Davidson de Florianópolis. Simplesmente me expulsou do projeto, sem nenhuma explicação.

Agradeço imensamente a todos os amigos que durante longo tempo, sempre me apoiaram, incentivaram e torceram pela realização do projeto de participar da concessionária Harley de Santa Catarina.

Abraço

Altrão.
e-mail: adilson.altrao@globo.com


domingo, 18 de dezembro de 2011

Lições Para a Estrada e Para a Vida


Sharon Chappy, Enfermeira Diplomada, Ph.D. em Enfermagem, Professora Associada e Diretora do Programa da Graduação da Faculdade de Enfermagem da Universidade de Wisconsin, em Oshkosh.

Sharon Chappy é Harleyra.

Ontem, 17 de Dezembro, a Dra. Chappy fez o discurso de paraninfo na solenidade de formatura da Turma de 2011.

Eis suas palavras:

"Magnífico Reitor, prezados colegas, formandos e amigos. Bem-vindos.

Eu piloto uma motocicleta Harley-Davidson. No mundo da Harley tem um ditado que diz assim: "Não é o destino, é a viagem".  Mas qualquer um vai argumentar que vocês chegaram a um importante destino, hoje. Para aqueles com um grau de Bacharel, vocês fazem parte de sómente 28 porcento de americanos com curso superior; para aqueles com um grau de Mestrado, vocês fazem parte de sómente 7 porcento de seus conterrâneos. Assim, tenham orgulho do que conseguiram.

Mas o  que quero lembrá-lhes é que o destino alcançado hoje transforma-se no ponto de partida de uma nova viagem. Gostaria de compartilhar com vocês algumas coisas que aprendí nas minhas viagens de motocicleta e sugerir que vocês pensem sobre isso, ao partirem para o próximo destino.

Lição # 1: Você é capaz de fazer muito mais do que pensa. Eu e meu marido estávamos rodando pelo Parque Nacional de Yellowstone, na nossa primeira viagem através do país. A temperatura baixou rapidamente, aproximando-se do zero. Começou a chover e a nevar e para cada direção que olhávamos parecia que a situação estava ainda pior. Rodamos mais uns 80 km até encontrar um refúgio, um banheiro. As lágrimas começaram a correr no meu rosto. Meu marido me olhou e disse, "isto é parte da experiência; você tem treinado para isso." Começava a escurecer e tínhamos que sair do parque ainda de dia. Voltamos para nossas motocicletas, molhados e com frio, e depois de uma hora a chuva parou, o céu abriu e um belíssimo arco-íris apareceu, tão próximos de nós que quase podia tocá-lo. Este dia tornou-se um ponto importante para nós. Hoje, quando piloto na chuva ou com ventos fortes, eu digo com confiança, "isto não é tão ruim com no Yellowstone."  Vocês estão entrando em tempos turbulentos. O mercado de trabalho está difícil; a economia não é promissora. Mas vocês se preparam para isso. Estão armados com um conhecimento especializado e um diploma que vocês trabalharam duramente para conseguir. Considere as dificuldades como um elemento de comparação e de oportunidade para crescimento pessoal e profissional. Se não tiverem um temporal forte, não poderão apreciar um belíssimo arco-íris.

Lição # 2: Aproveitem a vista, seja para onde estiverem indo. Nós estávamos fazendo uma trilha através do Beartooth Pass em Wyoming, que se eleva a quase 3.300 metros de altitude e que tem uma das mais belas paisagens da América. Quando chegamos ao sopé da montanha, ele excitado disse, "puxa . . . você viu .  .  ." e começou a mencionar todas as coisas maravilhosas por onde passamos, os lagos, as formações rochosas, os animais, o topo nevado da montanha. Eu olhei para ele com os olhos arregalados e confessei  que não tinha visto muito daquilo que ele descrevia. Eu estava muito concentrada na estrada e em manter minha motocicleta em pé através das curvas sinuosas, sem acostamento ou cerca de proteção. Mas, formandos, vocês não estarão saindo daqui numa motocicleta hoje e eu gostaria de desafiá-los a aproveitar todo a paisagem ao seu redor durante sua viagem para até o próximo destino. Vocês se prepararam bem para sua isto; podem se dar ao luxo de apreciar cenário ao seu redor. É isto o que farei na próxima vez que passar pelo Beartooth Pass.

Lição #3: Desvios são simplesmente outro caminho para chegar ao seu destino. No DealsGap, na Carolina do Norte, um desvio nos impediu de passar por uma estrada chamada Tail of the Dragon. É uma estrada de 17 km com 318 curvas — uma verdadeira Meca para os motociclistas. Quando chegamos ao hotel, mais tarde, soubemos que 2 pilotos haviam se acidentado na estrada, naquele dia. Se sua vida parece ter entrado por um desvio, isto pode estar acontecendo por uma boa razão.

Lição #4: Sempre se apresente como se estivesse sendo fotografado, fale com se estivesse sendo gravado e atue como se estivesse sendo filmado. Nossas viagens nos levam a muitos passeios e encontros, incluindo várias visitas a Sturgis. Vocês devem ter escutado que coisas malucas acontecem por lá, às vezes. Mas não importa aonde eu esteja, eu continuo sendo uma enfermeira, mãe de família e professora da Universidade do Wisconsin. Você nunca sabe quando um possível empregador, cliente ou contato importante pode cruzar seu caminho. É fundamental que você sempre transmita a sua imagem de forma a que sempre se orgulhe dela.

Lição #5: Conecte-se com o maior número de pessoas, ao longo de sua vida. Durante nossas viagens, conhecidos sempre foram valiosos em nos avisar sobre condições perigosas na estrada ou nos recomendar lugares indescritíveis para visitar.  Você pode ter uma "dica" para um novo emprego ou uma apresentação para uma entrevista.  O conhecidos e amigos que fizeram na faculdade serão úteis por toda a vida.

Finalizando, espero que sua viagem a este destino de hoje tenha sido prazerosa. Espero que se lembrem da paisagem e dos contatos com pessoas que lhes orientaram durante o trajeto. Mas de agora em diante, oficialmente começa sua próxima viagem. Ao sairem daqui hoje, pilotem sua vida com segurança e liberdade, lembrando de manter seu veículo sempre de pé nas estradas sinuosas do futuro. É sempre mais fácil chegar ao arco-íris, assim. Boa sorte."

Harleys Mais Baratas? Talvez nos EUA . . .


O Chefe de Operações da Harley-Davidson, Matt Levatich, descreveu como serão os próximos modelos de motocicletas, durante o Global Manufacturing and Transportation Summit.

Levatich disse que a Motor Company está considerando a fabricação de modelos menores e com preços menores. Atualmente o modelo H-D mais barato é a Sportster, vendida por US$8.000 nos Estados Unidos (US$14.400, no Brasil - obrigado Brasília . . .).


Ele reafirmou que a Harley-Davidson continua buscando atrair um universo maior de clientes. Estes clientes  são os jovens,  mulheres e compradores internacionais, numa tentativa de sair da dependência atual, onde americanos do sexo masculino com mais de 40 anos, continua sendo a maioria dos consumidores da marca.

Segundo ele, durante os últimos 3 anos a Harley-Davidson tem tido sucesso em aumentar sua base de consumo entre os jovens de ambos os sexos. Em 2010 a marca aumentou a participação internacional nas vendas totais, de 25% cinco anos atrás, para 35%, com projeção de alcançar 40% de vendas internacionais em 2014. Também mencionou que a fabricação das motocicletas continuará nos EUA. 
Se, no futuro, a Harley-Davidson desenvolver um modelo específico para um mercado em desenvolvimento, eles considerarão a possibilidade de abrir uma fábrica naquele país ou região. Mas, por enquanto, não há planos para ter qualquer planta de produção de motocicletas fora dos Estados Unidos.

sábado, 17 de dezembro de 2011

Férias com Segurança nas Estradas


Site da Polícia Rodovíaria Federal

Conselhos da Polícia Rodoviária Federal

Planejamento da viagem – O motorista deve procurar se informar sobre as distâncias que vai percorrer, pontos de parada, existência de postos de combustíveis e de restaurantes à beira da estrada. Não esquecer sua documentação e do veículo. Condutor e carro em dia são garantias de prosseguimento da viagem;

Revisão preventiva – Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Faróis conferidos para ver e ser visto; pneus calibrados e em bom estado; motor revisado, com óleo e nível da água do radiador checados. Não se esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos de porte obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de pára-brisa e luzes do veículo;

Pausas para descanso – O condutor deve programar paradas, pelo menos, a cada três horas. Quem se expõe a muitas horas dirigindo fica sujeito ao fenômeno da "hipnose rodoviária", na qual se mantém com os olhos abertos, mas sem percepção da realidade à volta. Ela vem acompanhada de sonolência, perda de reflexos e de força motora;

Período noturno – Evitar circular à noite. Além da redução da visibilidade, é o período do dia em que muitos delinquentes se aproveitam para a prática de crimes. Ademais, em caso de pane ou emergência, as opções de socorro, médico ou mecânico, são sempre mais lentas; Previsão do tempo – Procurar se informar sobre as condições do tempo nos lugares por onde vai passar. O Instituto Nacional de Meteorologia (InMet) disponibiliza gratuitamente informações sobre o tempo no endereço www.inmet.gov.br;

Atenção dobrada – Observar a sinalização que indica os limites de velocidade e as condições de ultrapassagem. As placas não foram colocadas naquele ponto da estrada sem motivo. Nos trechos que enfrentam obras viárias, é fundamental que o motorista reduza a velocidade e obedeça a sinalização local.

Honda Fury 2012


A Honda Fury 2012, o modelo chopper do fabricante japonês, tem feito algum sucesso no mercado dos EUA, desde o seu lançamento em 2009.

Honda Fury 2012

Equipada com um motor V-twin de 1300 cc, refrigerado a líquido, de 57 hp, a Fury 2012 vem com uma melhor posição de pilotagem, pneu traseiro extra largo e está disponível nas cores Silver Metallic, Black, Ultra Blue Metallic e Dark Red Metallic. O preço sugerido é de US$13.000, com 2 anos de garantia e revisões a cada 6.000 km.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Tecnologia Não Evita Problemas


Em função da postagem de hoje sobre o prêmio recebido pela BMW K 1600, um amigo enviou alguns links de reclamação referentes às motocicletas BMW.

Com certeza alta tecnologia não coibe incompetência. Uma verdade que, a cada dia, mais se constata nas concessionárias. De qualquer marca.

Veja os links:

http://www.reclameaqui.com.br/

http://www.reclameaqui.com.br/1407136/bmw/bmw-g650-gs-nao-sai-da-autorizada/

http://www.reclameaqui.com.br/1686361/bmw/homicidio-doloso/

http://www.reclameaqui.com.br/1335200/bmw/bmw-gs-650-g-problemas/

http://doisemduas.blogspot.com/p/bmw-motorrad-e-bmw-care-no-nosso-caso.html

http://www.reclameaqui.com.br/1230347/bmw/assitencia-tecnica/

Acho que as motocicletas deveriam vir com mais um adesivo. Neste caso em tamanho grande e em cores bem chamativas. Talvez no estilo daquelas que costumamos ver nas piscinas do hotéis nos EUA. Acho que vocês conhecem: "No lifeguard on duty. Swim at you own risk."

No caso das motocicletas, poderia ser assim:

"THIS MOTORCYCLE IS SERVICED BY INCOMPETENT MECHANICS. RIDE AT YOUR OWN RISK."

BMW K 1600 Eleita a Motocicleta do Ano


Para alguns, o ano de 2011 foi muito bom para a BMW Motorrad, com o lançamento de novos modelos e com um aumento considerável de vendas.

E parece que o fim do ano também chega em alto estilo para o fabricante alemão, com o modelo K 1600 GT e GTL sendo premiados como a Melhor Motocicleta de 2011. A motocicleta equipada com um motor de seis cilindros venceu os outros competidores e recebeu o prêmio maior da Supertest World Association (SWA).

A SWA é formada pelas 14 maiores revistas internacionais de motociclismo e seus membros votam através de um ranking que classifica a motocicleta mais destacada com 3 pontos, o segundo lugar com 2 pontos e o terceiro lugar com 1 ponto. 
A BMW Motorrad K 1600 GT e GTL recebeu a melhor votação geral.

BMW K 1600 GTL

Lançada em Março de 2011 ,  este modelo da  BMW provou ser um grande sucesso, impressionando pilotos e críticos por sua ciclística e condições de pilotagem, resultado de uma excelente suspensão, distribuição de peso e o uso inteligente de materiais de liga leve.

O motor de seis cilindros e 1600 cc é mais leve e menor do que a maioria das motocicletas de grande porte, resultado alcançado pelo uso de materiais como o magnésio e alumínio. Entretanto, o peso menor e o tamanho compacto (sómente 560 mm de comprimento) não compromete sua potência, que chega a 160 HP a 7.500 RPM e um torque máximo de 175 Nm a 5.000 RPM. A combinação da potência, torque e sensação de pilotagem criada pelo baixo centro de gravidade, agradou a consumidores e críticos.

Concebida para viagens de longa distância, com bagagem e garupa, a K 1600 (GT ou GTL), torna-se uma opção para quem quer uma motocicleta para todas as condições de tempo e de estrada. A suspenção eletronicamente ajustável oferece 3 modos de rodagem: Chuva, Estrada e Dinâmico. Isto, combinado com um sistema de freios ABS de última geração não deixa dúvidas por que esta BMW tecnologicamente avançada surgiu como um vencedor no disputado mercado das motocicletas Touring.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Carta aberta à Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina


"Choque e incredulidade tomaram nossa família na manhã do dia 09 de dezembro de 2011.
Nosso amado Leonardo, com apenas 36 anos, foi brutalmente levado de nosso convívio. A morte é
parte da vida, mas o modo que tudo ocorreu desafia a compreensão de todos nós. É vã qualquer
tentativa de encontrar lógica nestes acontecimentos e acreditamos que talvez noutra existência
possamos ter resposta. Leonardo era um filho dedicado e amoroso – o melhor de todos nós – irmão
maravilhoso, marido cúmplice e companheiro, amigo da melhor cepa. Era um  homem bom  na
singeleza e profundidade desta expressão.

Desde criança demonstrava ser um militar nato. Foi lobinho, escoteiro e quando adulto
passou onze anos no exército brasileiro; depois, prestou concurso e ingressou na Polícia Rodoviária
Federal onde esteve por exatos seis anos. Era extremamente qualificado e hábil no desempenho das
suas funções, respeitado e admirado por seus colegas de profissão. Agora mesmo tinha sido
aprovado para ser instrutor de motociclistas para a Copa de 2014. Amigo fiel e sempre prestativo,
assumiu a vida na PRF com total dedicação, entusiasmo e integridade. Não interessava-lhe a
mesmice dos gabinetes mas a vida sobre rodas. Morreu fazendo o que gostava, lutando o bom
combate como fazem os guerreiros.

Tão   logo   a   realidade   abateu-se   sobre   nós,   com   o   apoio   dos   amigos   fizemos   os
encaminhamentos de praxe, dando tempo para que a doação de seus olhos abram luz a quem não
enxerga. Quando optamos pela cremação queríamos guardá-lo em nosso coração e não num lugar
físico determinado. Queríamos tudo rápido - no mesmo dia - para evitar o prolongamento de nosso
sofrimento. Recebemos inúmeros pedidos da PRF para adiar a cerimônia para o dia seguinte para
que seus colegas pudessem homenageá-lo. Relutamos em aceitar mas concordamos. A decisão
mostrou-se acertada e surpreendente.

As homenagens feitas a Leonardo demostraram o quão querido e admirado por sua corporação ele era. Para que o cortejo seguisse seu caminho até Balneário Camboriú, seus companheiros de PRF pararam a beira-mar norte, fechou-se a ponte e a BR 101 em atitude que acreditamos sem precedentes e digna de chefe de estado. Nada mais justo para quem deu a vida em prol da sua corporação e dos seus semelhantes. Parou-se o trânsito quando para nós tinha parado o universo. A presença maciça de policiais que em sua maioria estavam em folga demonstrou a consideração que Leonardo tinha da sua corporação. Os discursos, as sirenes, os rasantes de helicóptero, os infindáveis aplausos mostraram a solidariedade e a comoção que a morte de um policial em combate causou na sociedade catarinense.

Esta percepção também chegou aos meios de comunicação que deram ampla divulgação ao caso. A violência sempre nos pareceu coisa de televisão e assusta saber que todos nós estamos sujeitos a ela.
Quanto aos criminosos que covardemente o privaram da vida, não nutrimos ódio. A ausência de Leonardo oblitera quaisquer outros pensamentos. O ódio é um veneno que só toma quem o oferece.

Contudo, é justo e nos conforta saber que estes bandidos foram presos no mesmo dia do
seu crime com extrema competência de todas as polícias do Estado de Santa Catarina e dos poderes
instituídos. Que saibam os delinquentes que não se tira a vida de um dos anjos das estradas
impunemente e sem que paguem duramente por seus crimes. Que este exemplo ajude a evitar que
outros policiais venham a sofrer esta barbárie.

As orações dos colegas da PRF, dos amigos e familiares tem nos consolado e auxiliado a
passar por este momento tão duro e difícil. Obrigado por tudo. Temos a crença que as elevadas
homenagens feitas pela PRF ao Leonardo são apenas o prenúncio de homenagens ainda maiores que
está a receber no outro plano da existência.

Atenciosamente, subscreve esta missiva a família de Leonardo Leon Valgas dos Santos."

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

13 de Dezembro - Dia do Marinheiro



Comemora-se hoje o Dia do Marinheiro. 

Esta data foi escolhida em 1925 pelo então Ministério da Marinha, em homenagem ao Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré, Patrono da Marinha, nascido nesse dia em 1807, na cidade de Rio Grande, RS.
Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré

A homenagem à Tamandaré é muito significativa, pois ter dedicado toda sua vida à Marinha e é um exemplo para todos os marinheiros. Ingressou na Marinha durante a Guerra da Independência, aos quinze anos de idade. Durante a Guerra Cisplatina ficou conhecido por seus atos de bravura. Aos dezoito anos, assumiu o comando de um navio, a Escuna Constança, e depois, no comando da Escuna Bela Maria, distinguiu-se por sua coragem e cavalheirismo. Destacou-se durante toda a carreira, em missões difíceis e importantes. Como Oficial General, comandou as ações no Uruguai, em 1864, e foi o Comandante-em-Chefe da Força Naval Brasileira em Operações de Guerra contra o Paraguai, no período de 1865 e 1866.

Tamandaré viveu em uma época muito importante para a formação do Brasil. Assistiu a colônia se tornar Reino Unido, depois Império e, mais tarde, República. Participou de 4 guerras e contribuiu para evitar a desagregação do território brasileiro. O Almirante Tamandaré morreu no Rio de Janeiro no dia 20 de Março de 1897. Despido de qualquer vaidade, determinou em seu testamento que seu sepultamento fosse feito sem honras de qualquer espécie, mesmo as militares a que tinha direito. E que na sua lápide fosse escrito, somente: "Aqui Jaz o Velho Marinheiro". 

Seguindo o exemplo de seu patrono, os marinheiros brasileiros, tripulando os navios de guerra e mercante, sempre se destacaram por sua coragem e patriotismo. Durantes todos os conflitos armados em que o Brasil se envolveu, continuaram seu árduo trabalho no mar, apesar dos perigos enfrentados.
Navio Porta-Containers "Aliança Manaus", em operação na  costa brasileira.

Na Segunda Guerra Mundial (1939-1945), dos 2.043 brasileiros mortos em ação, 1.074 eram da Marinha Mercante e 486 da Marinha de Guerra. 32 navios mercantes e 2 navios de guerra brasileiros foram afundados por ação do inimigo, durante o conflito.

Navio de Apoio a Plataforma "CBO Chiara", em operação na área de
 produção de petróleo em águas profundas, no litoral do Estado do Rio de Janeiro.

Em nenhum momento os navios mercantes brasileiros deixaram de navegar, transportando as riquezas que o Brasil exportava para os Aliados e trazendo as mercadorias que nosso país necessitava. 

Corveta "Barroso"
Corveta brasileira, atacando um submarino inimigo no
 litoral brasileiro, durante a Segunda Guerra Mundial

A Marinha de Guerra garantiu a segurança da navegação no Atlântico Sul, protegendo os navios aliados e combatendo os submarinos inimigos que atacaram nossa Marinha Mercante. Um total de 10 submarinos alemães e 1 submarino italiano foram afundados na costa brasileira durante o conflito.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Mais Um Herói Caído na Guerra Urbana


O Policial Rodoviário Federal  Leonardo Valgas, do Núcleo de Motociclismo da PRF em Santa Catarina, morreu baleado na manhã desta sexta-feira após uma perseguição policial no bairro Coqueiros, em Florianópolis. A morte aconteceu depois que os ocupantes de um Palio preto, com placas de São Paulo, foram abordados pelo policial enquanto trafegava pela marginal da Via Expressa. Ele estava participando da perseguição ao carro dos bandidos, que fugiram quando foram abordados pelo PRF. O patrulheiro foi derrubado quando os bandidos jogaram o veículo contra sua motocicleta e friamente executado a tiros, enquanto se encontrava indefeso, no chão.

Policial Rodoviário Federal Leonardo Valgas

Tive a honra de conhecer o PRF Valgas por ocasião de vários eventos de motociclismo, em Santa Catarina. Tivemos também o privilégio de compartilhar com ele momentos de descontração, ao recebê-lo na casa do meu filho, em Niterói, juntamente com outros amigos da Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina, que haviam participado de uma missão no Rio de Janeiro.

Em Niterói, RJ, Dezembro de 2010.
De uma postura profissional admirável, o PRF Valgas é mais um herói brasileiro caído na sangrenta batalha urbana, nesta guerra não declarada que assola nosso país.

Descanse em paz, Valgas. Que Deus o receba em seu reino. Seus familiares e amigos sentirão muito a sua falta no nosso convívio. Mas seu sacrifício, no firme cumprimento do dever, nos dá a certeza que nem tudo está perdido.

Pois enquanto existirem brasileiros como Leonardo Valgas Santos, ainda há esperança para este país.

Churrasco na HD Point

A HD Point, de Balneário Camboriú, está convidando para um churrasco, no sábado.


A partir da 12:00, na loja da Rua Pernambuco 18, a HD Point estará oferecendo um churrasco aos seus amigos e clientes. O evento está aberto a todos os motociclistas.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Auto Suficiência ?????


A Petrobras deve fechar 2011 importando cinco vezes mais gasolina do que no ano passado, uma elevação que reflete o aumento do consumo interno e o crescimento da economia, segundo o diretor de Abastecimento da estatal, Paulo Roberto Costa.

A companhia anunciou uma revisão da previsão de importação no ano para uma média de 45 mil barris por dia (bpd), ante os 32 mil bpd estimados anteriormente. Em 2010, a importação ficou em 9 mil bpd. "Na Europa e no Japão o consumo está caindo. Aqui está aumentando para valores enormes", disse.

A Petrobras elevou a produção de gasolina em cerca de 40 mil bpd neste ano, mas a melhora foi insuficiente para acompanhar a demanda. O consumo diário brasileiro está em média em 460 mil barris, e a previsão é que 2011 encerre com uma alta de 19% em relação a 2010, ano em que já houve um aumento de 18% no consumo. Entre os motivos, lembrou o executivo, está o preço pouco competitivo do etanol, o que faz com que o consumidor com carro bicombustível prefira abastecer com gasolina.

Com a forte demanda por gasolina, o diretor estima que o consumo de combustíveis neste ano cresça cerca de 7%, ante uma alta de 3,5% a 4% no Produto Interno Bruto (PIB). Em 2010, com a expansão de 7,5% do PIB, a demanda cresceu 10%.

As informações foram dadas durante o detalhamento do programa da Petrobras para o diesel S-50 (combustível com menor emissão de enxofre), que começa a ser distribuído em escala nacional (900 postos) em janeiro.

Quem foi mesmo que anunciou, com grande fanfarra, que o Brasil era auto suficiente?

domingo, 4 de dezembro de 2011

Triumph Motorcycles Tem Lucro Record

O fabricante inglês de motocicletas divulgou o resultado de vendas para o ano fiscal de 2011, atingindo US$36,3 milhões de lucros, um crescimento de 48% sobre o mesmo período do ano anterior. A Receita total da empresa cresceu 11% no período, atingindo US$538,6 milhões.

A Triumph fabrica motocicletas de grande porte e vendeu 48.684 novos modelos em 2011, um crescimento de 7%. Segundo o porta-voz da fábrica, Paul Taylor, o sucesso da marca foi o lançamento de 7 novos modelos de motocicletas durante o ano, incluindo uma versão maior de sua clássic Tiger e uma versão premium da Speed Triple.

Triumph Rocket III

Também foi criada em 2011 uma edição especial Steve McQueen da clássica Bonneville, que teve a autorização da família do renomado ator americano.

Triumph Bonneville Steve McQueen Special

Para 2012 a Triumph Motorcycles promete novos lançamentos, além da linha de 22 modelos existentes.

A empresa anunciou, também, que iniciará vendas diretas no Brasil, através de sua própria subsidiária. As concessionárias brasileiras deverão ser abertas no segundo semestre de 2012. Até lá, os proprietários de Triumph que necessitem de assistência técnica deverão entrar em contato com a fabrica, no Reino Unidos, através do telefone +44 1455 251700.

A Triumph é a maior fabricante inglês de motocicletas acima de 500cc, com uma fatia de 20% do mercado britânico.